Descobrindo Punta Cana

10-11-2018


Punta Cana, talvez o destino nas caraíbas mais visitado pelos portugueses. E há vários motivos para este facto. Os mais exigentes dirão que está massificado mas para mim continua a ser um local onde se passam férias fantásticas! São 35 km de praias incríveis com resorts para todos os gostos.


Quando as portas do avião se abrem, sentimos imediatamente a humidade típica destas paragens. O aeroporto de Punta Cana, hoje em dia é um pouco mais moderno do que o que eu conheci quando o visitei pela primeira vez, mas mesmo assim os seus tetos ainda são feitos de folhas de palmeiras e por isso mantém o seu ar rústico e muito descontraído.


Hotel Grand Bahia Príncipe Punta Cana

Um resort monstruoso!

O hotel Grand Bahia Príncipe Punta Cana é em tudo igual aos demais da mesma cadeia que eu já conheço de outros locais, sendo que este é enorme e constituído por diferentes zonas ou clubes que se adaptam aos diferentes gostos dos turistas. Tudo top!


Este resort na prática é constituído por vários hotéis com diferentes níveis de exclusividade. Mas mesmo o alojamento standard permite ao comum dos mortais desfrutar de uns dias onde se sentirá como um rei!

A cadeia GBP especializou-se muito no mercado português e espanhol e por isso não há que estranhar por estarmos sempre a ouvir falar português ou espanhol!

A sua enorme dimensão não é problema. Estão sempre a circular estes "comboios" que nos levam desde o lobby até ao mar! Os jardins estão impecavelmente bem conservados e contribuem para o ambiente descontraído que se pretende numas férias nas caraíbas!

Ainda dentro do hotel existem algumas lojas onde se podem comprar vários artigos de artesanato ou alguma coisa que tenha ficado esquecida em casa. Os quadros com as pinturas tainas e os artigos feitos de coco são espetaculares. Também existe uma zona onde à noite os espetáculos noturnos mantém entretidos os turistas depois do jantar.


Alimentação

Para todos os gostos e de acordo com a cor das pulseiras mas desde o nível standard muito variada e deixando sempre uns quilitos a mais. Ninguém por aqui passa fome! 

Há também os restaurantes temáticos, tipo gourmet, que nos oferecem sempre momentos muito agradáveis e por vezes até divertidos... Aqui, por exemplo, pedi ao Jorge se poderia tirar uma foto... e este foi o resultado.... LOL

Todas as semanas existem noites temáticas e o menu nesses dias varia de acordo com o tema.


Piscinas

Este hotel possui várias piscinas, todas elas de grandes dimensões e com bares molhados. De manhã costumam ter menos gente pois o pessoal opta mais pela praia mas à tarde é difícil de arranjar espreguiçadeiras disponíveis.

Umas são mais concorridas outras mais calmas mas todas muito agradáveis.


Praia (Arena gorda)

A separar a piscina da praia existe um pequeno muro. Ideal para quem não deseja longas deslocações entre o areal e a piscina principal do resort.

As espreguiçadeiras e sombras começam a ser ocupadas logo de manhã.

São quilómetros de areal de praia que permitem longas e descontraídas caminhadas. 

Água quente, areia branca e muitos coqueiros, é assim que defino a praia deste hotel. É possível fazer caminhadas, sendo que para a direita, existe um pequeno mercado junto ao mar onde se pode comprar de tudo a preços simpáticos. Nota é obrigatório regatear...

El Corte Ingles Dominicano

Há quem lhe chame o El Corte Ingles dominicano pois trata-se da zona mais movimentada para onde todos se dirigem para comprar recuerdos. Trata-se de pequenas barraquitas junto ao mar. Há uns anos atrás ainda existia um extenso areal pelo meio. Hoje já conseguimos ver o impacto da subida do nível dos oceanos. Em breve terão de as construir mais atrás.

Este é o melhor local para comprar recuerdos, sejam pedras preciosas (larimar), t-shirts, pulseiras, charutos, pinturas, garrafas de rum, chapéus, sacos e sacolas, imans para o frigorífico, porta chaves, fios, esculturas em madeira ou de coco, etc.

Os vendedores habituados que estão a tantos turistas são autênticos especialistas. Sentam-se e chamam cada um que passa em frente das suas barracas oferecendo regalos e tentando adivinhar de onde somos! Se respondemos não temos hipótese, quando damos por nós já estão a faturar!

Incrível a vista das barraquitas...


A beleza Dominicana

Umas férias em Punta Cana oferecem a possibilidade de conhecer também outros locais de interesse que não só as praias e as piscinas dos hotéis sem termos de percorrer grandes distâncias.

É possível realizar estes passeios com os operadores ou com empresas locais. 

Vou aqui mostrar alguns locais que visitei e que considero serem verdadeiros hotspots. 

Nesta zona da RD por mais do que uma vez me deparei com extensos campos de cana de açúcar a perder de vista. Agora sei porque este país é um dos maiores exportadores de açúcar para os Estados Unidos... As principais companhias açucareiras são norte americanas mas os seus trabalhadores são haitianos...


Rio Chavón

Já tinha ouvido dizer que tinham sido filmados alguns filmes neste rio, sendo o mais famosos o Apocalypse Now, mas só ao embarcar numa jangada típica e percorrendo as suas águas, é que me apercebi da beleza do local... Vale a pena conhecer ou de lancha ou de "barco-jangada".

Trata-se de um ambiente muito zen e que nos transmite uma paz incrível!


Isla Saona

Talvez a excursão mais famosa desde Punta Cana. A ilha Saona!

A ilha Saona faz parte do Parque Nacional Del Este e é conhecida pela sua beleza. Os seus mangais, recifes de coral, coqueiros e águas azuis turquesa tornam esta ilha um dos locais mais paradisíacos da RD. Fica a cerca de 50 km de Punta Cana.

A visita a Saona ou é realizada com lanchas ou com catamarans. Se o objectivo é chegar rápido, lanchas, se pelo contrário não há pressas o catamaran é o ideal.

Saindo de Bayahibe em direção a Saona é vulgar realizarem-se paragens longe da costa em zonas de águas rasas. Aqui costumam existir imensas estrelas do mar. Com tanto turismo já devem estar habituadas a tantas selfies!!

Saona também é um local de passagem para aqueles que desejam emigrar para território americano clandestinamente. A ilha de Mona que é território dos EUA, pertence a Porto Rico e fica só a 70 km de distância e  Porto Rico a cerca de 140 km em linha reta.

Saona é daquele tipo de locais que as imagens são mais fortes do que as palavras.

O catamaram que nos trasnsporta ao som do merengue. 

Se há lugares que definem o paraíso este é de certeza um deles...


Praia Canto de La Playa

Outro local fantástico onde cada foto dá um postal!...

O Canto de la Playa é uma praia de sonho na Isla Saona. 

Saona é visitada diariamente por vários operadores turísticos que levam os turistas de todo o mundo a visitar este "paraíso na terra".

Como esta praia é a mais remota de toda a ilha, ela não é visitada por todos. Se desejam conhecer este pedaço de paraíso convém certificarem-se de que vão mesmo lá.


Mano Juan

Mano Juan é uma pequena aldeia (a única em Saona) onde os seus habitantes são os únicos habitantes permanentes da ilha.

Aqui podemos conhecer o "Negro" um antigo pescador que sempre viveu na ilha e que até há poucos anos caçava as tartarugas e os seus ovos. Hoje tem um projecto de conservação das tartarugas marinhas. 

O Negro marca e recolhe os ovos dos ninhos de tartarugas e devolve as pequenas tartarugas bebés na primeira lua cheia após o seu nascimento.

Também se pode comprar alguns recuerdos e apreciar a paisagem que convida à contemplação.

Os poucos habitantes vivem em casas típicas e de forma genuinamente dominicana. Pouco se importam com os turistas...


Mangais

Os mangais têm várias funções como defesa contra furacões ou zona de conservação onde muitas espécies juvenis se escondem até atingirem a idade adulta.

Quando os furacões  se aproximam é aqui nos mangais que deixam os barcos. É o local mais seguro. 

As fragatas nidificam também nos mangais sendo este um ecossistema importantíssimo.


Isla Catalinita

Existe um local onde o oceano atlântico toca o mar do Caribe e conseguimos ver com nitidez essa "fronteira". Este local fica entre a ilha Saona e a ilha principal e chama-se ilha Catalinita.

Por aqui as correntes são bastantes fortes e só os mangais seguram os milhões de búzios. A cor da água muda abruptamente e não nos deixa esquecer que estamos numa zona fronteiriça...

Milhões de conchas de búzios que o mar deposita ficam amontoados nesta pequena ilhota.


Cap Cana

Pequena vila construída numa zona privilegiada e muito próxima da Playa Juanillo.

Esta zona é muito exclusiva sendo na sua Marina a sua zona central.

Tem alguns canais que proporcionam aos seus habitantes deslocarem-se com os seus barcos até às suas habitações. Lembra Veneza, mas no Caribe.

Dispõe de campos de ténis, restaurantes e hotéis muito luxuosos sendo que as águas circundantes são das mais bonitas que a RD tem.

Vários famosos tem as suas casas de férias nesta zona e eu um dia também serei bem capaz de comprar uma nesta zona..... -LOL


Playa Juanillo

Além de ser uma praia que deixa qualquer um boquiaberto, por aqui já passaram carros de formula 1! A Red Bull gravou na playa juanillo um espectacular video promocional...


Regresso

Em jeito de conclusão, a República Dominicana é um país lindíssimo que eu pessoalmente adoro e Punta Cana  um local que voltaria sem pensar duas vezes!