Os Céus do verão na Beira Baixa

04-08-2019


Numa noite quente de verão na Aldeia de Santa Margarida, decidi juntamente com um grupo de amigos sair para fotografar as estrelas. Sendo quase lua nova e não existindo por aqui poluição luminosa estavam reunidas as condições perfeitas para uma sessão de astrofotografia  fantástica!

Depois de algumas fotos, fui surpreendido por um dos presentes que me indicou um local privilegiado e único para se tirarem fotos impares. Sem demoras aceitei o convite e por volta da uma da manhã seguimos até ao tal local. Após uma caminhada de alguns minutos com as lanternas desligadas, numa das aldeias mais antigas e enigmáticas da beira baixa os nossos olhos começaram a habituar-se à escuridão sendo que o céu parecia cada vez mais estrelado. Senti que estava perante um local mítico e imponente quando olhei para cima e vi os altos penedos e a deslumbrante muralha de um castelo. Paramos várias vezes para tentar perceber se estávamos de facto sozinhos.

À chegada ao castelo o espanto foi grande (tão grande que fui logo com os joelhos ao chão, LOL!). Pensar em todas as histórias e lendas por trás deste local enquanto observava todos aqueles pontos luminosos que pintavam o céu... Aí sim, entendi a magia de Monsanto, um local que me deixa simplesmente sem palavras.

Foi aqui que começou a verdadeira sessão fotográfica aos céus da Beira Baixa, na pitoresca aldeia de Monsanto.

Foram pelo menos umas duas boas horas, entre histórias, explicações acerca das estrelas e muitas fotos... no final saímos de lá com algum cansaço mas de ego cheio, obrigado Titi!